full stack developer

Estás fascinado pela forma como os websites funcionam ou tens interesse em codificação? Deves considerar uma carreira como programador de full stack. Farás desenvolvimento web, desde a vertente artística até aos aspetos técnicos do desenvolvimento de websites. Os full stack developers são peças fundamentais de todos os setores da tecnologia, o que os torna valiosos em diversas áreas tecnológicas.

empregos como full stack developer
1

o que é um full stack developer?

Um full stack developer trabalha com toda a extensão de uma aplicação de sistema informático desde o front-end até ao back-end de uma aplicação. Uma vez que irás percorrer os dois domínios de desenvolvimento web, precisas de compreender as linguagens de programação utilizadas no front-end e no back-end de um website.

Como programador de full stack que lida com o front-end de uma aplicação, o teu trabalho é conceber páginas web para melhorar a experiência do utilizador. O utilizador cria o layout e acrescenta caraterísticas artísticas para melhorar a usabilidade do website. Para além de melhorar a aparência dos websites, asseguras-te de que estes respondem a vários dispositivos e têm velocidades ideais para os utilizadores.

o que faz um full stack developer?

O teu trabalho também se concentra na criação de um back-end que permita a existência do website no front-end. Aperfeiçoas o código que comunica com bases de dados, servidores e interfaces de programação de aplicações. Assim, precisas de aprender a codificar em linguagens de programação back-end e a gerir as bases de dados.

A maioria das empresas depende de full stack developers para detetar erros que afetam o front-end e o back-end de um website. A tua versatilidade é crucial na incorporação de novas tecnologias no desenvolvimento web, uma vez que podes indicar o impacto no aspeto técnico e no layout de uma aplicação a partir do seu lado técnico.

Será que uma carreira em TI seria útil para ti? Trabalhar como full stack developer seria adequado ao teu interesse em codificação e às tuas competências tecnológicas? Então continua a ler para descobrires quais as competências e qualificações de que necessitas para prosperares numa função de full stack developer.

empregos como full stack developer
empregos como full stack developer
2

salário médio de um full stack developer

O salário médio de um full stack developer ou programador de full stack em Lisboa, Portugal, ronda os 1.536 euros mensais, um valor bastante elevado quando consideramos o salário mínimo nacional. Usualmente, este valor aumenta quando se trata de full stack developers experientes, sendo que além do salário base, estes profissionais podem receber benefícios salariais ou benefícios extra, não monetários. Seguros médicos, pagamento de horas extraordinárias e férias pagas são alguns dos extras que podem estar incluídos neste tipo de trabalho. Além disso, algumas empresas também pagam outros bónus e incentivos no final do ano.

que fatores afetam o salário de um full stack developer?

Como full stack developer, o teu salário depende principalmente do projeto em que estás a trabalhar e dos teus conhecimentos. Embora não necessites de formação formal para te destacares nessa função, a proficiência em linguagens de programação melhora as tuas perspetivas de emprego e o teu pacote de remuneração. Teres alguns anos de experiência e qualificações educacionais formais também melhora os teus ganhos devido às competências transferíveis que possuis.

A dimensão da empresa também influencia os teus potenciais ganhos. Por exemplo, ao criares uma aplicação web para uma empresa de pequena dimensão, o trabalho envolvido é simples. As grandes empresas incorporam várias funções nos seus sites; por conseguinte, o trabalho envolvido é mais complexo, e elas estão dispostas a pagar mais pelo trabalho adicional envolvido neste processo.

3

tipos de full stack developers

Como programador de full stack, podes especializar-te nos seguintes tipos de desenvolvimento web:

  • desenvolvedor de front-end/ front-end developer: como full stack developer encarregado do design de front-end, melhorarás o layout da web e a experiência do utilizador. Uma vez que o teu foco está no lado do cliente, utilizas a tua criatividade artística para impulsionares a aparência e a funcionalidade. És também essencial para otimizar a velocidade do website. 
  • desenvolvedor de back-end/ back-end developer: o teu trabalho é construíres o código que gere o website e permite a funcionalidade de front-end. Também conecta o website às bases de dados para assegurares o fluxo adequado dos dados e o processamento preciso das suas funções.
4

trabalhar como full stack developer

Se gostas de codificar, gostarás de trabalhar como full stack developer. Vamos explorar os teus deveres, responsabilidades e ambiente de trabalho.

ofertas de emprego
5

educação & qualificações

Algumas das vias para te tornares um programador de full stack incluem:

  • curso universitário: para te tornares um full stack developer, deves estudar numa licenciatura em informática, web design, ciências da computação ou outros campos relacionados. Uma licenciatura em ciências informáticas, engenharia de software e desenvolvimento de meios digitais também te pode dar uma posição como programador de full stack. Necessitas de um diploma de licenciatura para trabalhar nesta área. 
  • formação profissional: vários cursos externos à universidade podem dar-te mais competências para que te tornes um full stack developer. Alguns destes cursos ajudam-te a aprender linguagem de programação ou mais sobre web design ou desenvolvimento de software. 
  • estágio profissional: se fores um bom programador e tiveres capacidades básicas de codificação, podes juntar-te a um estágio e tornar-te um aprendiz de desenvolvimento de software. 

aptidões e competências

Necessitas também das seguintes competências para avançares na tua carreira como full stack developer:

  • capacidades de programação: como programador de full stack precisas de ter capacidades de codificação excepcionais para desenvolveres estruturas de websites e incorporares várias funções. Por exemplo, é importante estares familiarizado com a linguagem Hypertext Markup Language utilizada para criar interfaces de utilizador e determinar como uma página web pode ser exibida. 
  • arquitetura web: como full stack developer, deves ser um especialista em arquitetura web e compreender a estrutura de código para te ajudar a construir um server-side que satisfaça as necessidades dos utilizadores. Com competências em arquitetura web, podes separar os teus ficheiros e realizar tarefas computacionais.
  • atenção aos detalhes: como programador, é vital prestares atenção ao código que estás a criar. Estar orientado para os detalhes garante-te a criação de uma aplicação e de um website funcionais. Podes também poupar tempo, evitando erros e criando um website perfeito. 
  • pensamento criativo: como front-end developer, precisas de conceber um website visualmente agradável e de acrescentar funcionalidades. A criatividade também te ajuda a desenvolver um website responsivo, que os utilizadores irão gostar de utilizar. 
  • capacidade de resolução de problemas: enfrentarás obstáculos e desafios no teu trabalho como full stack developer. Por vezes, deparas-te com um obstáculo na fase de codificação. Necessitas de ter a capacidade de resolução de problemas para resolveres o problema e trabalhares de forma eficiente.
6

FAQs

Perguntas frequentes (FAQ’s) sobre trabalhar como full stack developer.

thank you for subscribing to your personalised job alerts.