backend developer

É naturalmente inquisitivo? Se estiveres sempre curioso sobre os processos envolvidos na criação do produto final, podes tornar-te um backend developer excecional. Criarás as partes críticas de um website que impulsionam a experiência digital dos utilizadores e trabalharás em conjunto com outros programadores para assegurares uma excelente funcionalidade.  

empregos como backend developer
1

o que é um backend developer?

Um backend developer (ou programador de backend) trabalha em tecnologia e TI e facilita o intercâmbio de dados entre os servidores, bases de dados e utilizadores do site. O seu papel é desenvolver a lógica de back-end e manter a base de dados central que assegurará a capacidade de resposta aos pedidos do front-end do website. Embora o trabalho de um backend developer não seja visível no front-end, ele forma a base de uma experiência contínua e de user-friendly. Assim, compreende-se a integração de elementos front-end para uma colaboração harmoniosa entre o lado do cliente e o lado do servidor.

o que faz um backend developer?

Como back-end developer, projetas e alteras os aspetos de um website ou aplicação de software que o utilizador nunca vê. Isso significa que se constroem as caraterísticas principais e os componentes do software para ajudar na funcionalidade de um website. Por exemplo, quando um utilizador coloca um pedido no website (front-end side), o teu trabalho é assegurar que o programa fornece as informações e dados solicitados. Também manténs bases de dados essenciais para o website e geres as interfaces do programa de aplicação (APIs). A gestão de software e bases de dados requer proficiência em linguagens de servidor como Python, Java e Ruby.

A maioria dos backend developers trabalham em empresas de tecnologia criando websites e software para os seus clientes. Uma vez entendidos os requisitos empresariais, desenvolvem os aspetos técnicos utilizando linguagens de programação. Trabalhar como programador de back-end seria adequado ao teu interesse pela tecnologia e à tua curiosidade? Então, continua a ler para descobrires quais as competências e qualificações de que necessitas para prosperares numa função de backend developer. 

Woman working on her laptop while having a conversation
Woman working on her laptop while having a conversation
2

salário médio de um back-end developer

O salário médio de um backend developer em Portugal ronda os 3.125 euros por mês, o que corresponde a 37.500 por ano. Evidentemente isto dependerá do ponto de carreira em que te encontras, sendo que, num nível inicial, o rendimento anual poderá rondar os 28.500 euros e que, quando tiveres experiência e competências que o justifiquem, podes chegar a receber 53.250 por ano. Poderás ganhar mais se assumires um papel de supervisão ou se gerires um grupo de backend developers. Trabalhar como back-end developer também implica trabalhares muitas horas, em horários desafiantes, e podes ganhar mais através do pagamento de horas extraordinárias e de subsídios adicionais. Algumas empresas oferecem bónus e outras regalias, como férias pagas.

como podes melhorar o teu salário como backend developer?

Como backend developer, o teu pacote de remuneração depende do tamanho da empresa e da complexidade dos projetos em que estás envolvido. As pequenas start-ups pagam menos devido aos recursos limitados e ao tamanho reduzido dos projetos, mas permitem-te aguçar as tuas competências à medida que fazes vários projetos e tarefas. As grandes empresas têm recursos ilimitados e lidam com projetos complexos, o que se traduz num pacote de rendimentos que reflete as tuas tarefas adicionais. Além disso, nas grandes organizações, trabalhas ao lado de múltiplos criadores e especializas-te em aspetos específicos do desenvolvimento web. As tuas qualificações educacionais e experiência também determinam as tuas perspetivas salariais.

3

tipos de backend developer

Algumas das funções de backend developer incluem:

  • engenheiro de backend: como engenheiro de backend, completarás o scripting do lado do servidor e manterás os servidores. Isto permite aos front-end developers acederem à estrutura de dados do website. O teu papel centra-se nos aspetos criativos e inovadores do projeto.
  • administrador de bases de dados: este é um back-end developer responsável pelo desenvolvimento e manutenção das bases de dados. O teu trabalho consiste em efetuar back-ups regulares e atualizar permissões para assegurares que as bases de dados funcionam eficientemente e apoiam o website. A maioria dos back-end developers responsáveis pela administração de bases de dados estão familiarizados com ferramentas de ciência de dados e SQL.
  • arquiteto de soluções: como arquiteto de soluções, constróis software para as empresas para dimensionar as suas funções online. Utilizas os teus conhecimentos para conceberes soluções e implementá-las para as empresas.
4

trabalhar como backend developer

Trabalhar como backend developer envolve a construção de um website a partir do zero e o controlo da sua funcionalidade. É necessária uma excecional capacidade de programação e atenção aos detalhes para garantires que as tecnologias de backend funcionem sem problemas.

descrição de trabalho de um backend developer

Os papéis padrão de um backend developer incluem:

  • criar estruturas de dados: como back-end developer, é necessário dominares as frameworks necessárias para construíres estruturas de dados. Uma estrutura de dados é utilizada para construir o software do lado do servidor que suporta a função de front-end do website. Também contém as informações enviadas pelos utilizadores e o feedback de um website. Assim, precisam de ser fortes e fáceis de manter para que o site possa funcionar sem problemas.
  • escrever código: como back-end developer, escreves o código que suporta as operações de front-end. Por exemplo, quando os utilizadores clicam num link ou efetuam uma pesquisa, esperam uma resposta rápida. Quando escreves código limpo e sem erros, melhoras a velocidade e a qualidade dos resultados que os utilizadores recebem no lado do cliente. Também escreves código para gerir a funcionalidade da base de dados.
  • manter a integridade de um website: para que a interface do utilizador proporcione uma experiência sem falhas, um back-end developer cria o melhor design para as funções do website. Isto envolve a resolução de problemas durante toda a fase de programação para assegurares que a interface de utilizador tem um resultado para cada ação que um internauta toma ao interagir com o website. Os back-end developers utilizam DevOps e outras ferramentas para melhorar a integridade do website.
  • criação e gestão da base de dados: como back-end developer, crias e geres a base de dados. Os programadores de back-end utilizam Structured Query Language (SQL) para construírem e gerirem bases de dados. Por exemplo, podes inserir ou apagar registos e formular procedimentos de armazenamento para uma base de dados. Parte da gestão de bases de dados é fazer regularmente o backup de informações e ficheiros do website ou estabelecer protocolos de restauro.
  • gerar análises e estatísticas: como back-end developer, podes utilizar a informação nas bases de dados para gerar estatísticas e análises valiosas.
5

educação e aptidões

Um backend developer precisa das seguintes qualificações educacionais:

  • curso universitário: a maioria dos backend developers têm uma formação em ciências informáticas ou engenharia de software. Os backend developers precisam de formação académica, uma vez que fazem a abstração (algoritmos de escrita e extração de dados), ao contrário dos front-end developers. Uma licenciatura em ciências informáticas ajuda a adquirir competências básicas de programação para te destacares na função.
  • boot camps: se fores um bom programador, podes melhorar as tuas capacidades no desenvolvimento de backend ao participares em boot camps destinados ao treino de programação. Os boot camps fornecem frequentemente formação sobre as principais linguagens de codificação, e poderás obter um mentor para te ajudar a aprender competências de codificação.
  • Aprendizagem: em Portugal, encontrará vários programas de aprendizagem para melhorar as tuas capacidades de programação, e também aprenderá técnicas de desenvolvimento de backend no local de trabalho.

aptidões e competências

Um backend developer deve ter as seguintes competências:

  • capacidades de programação: a codificação é crucial para o teu papel. A perícia em linguagens de programação back-end como Python e Java melhora a tua taxa de sucesso. Aprendes a codificar na faculdade, mas também podes melhorar as tuas competências através de boot camps e programas de formação profissional que fornecem certificação em várias linguagens de programação.
  • uma atitude de aprendizagem: precisas de ter uma atitude de aprendizagem contínua para te manteres a par das tecnologias e ambientes de website que estão em constante mudança. É crucial compreenderes as linguagens de programação assim que estas chegam ao mercado.  
  • capacidades de comunicação: ainda que trabalhes na sombra do website (backend), os teus designs e ideias devem brilhar no front-end. As capacidades de comunicação ajudam-te a colaborar com outros designers e programadores na criação de uma experiência de utilizador sem falhas. Por exemplo, precisas de explicar à tua equipa o design da estrutura de dados que pretendes alcançar para melhorar a eficiência no processo de design.
  • capacidades de gestão de tempo: como backend developer, trabalhas em várias tarefas e, sem a capacidade de gestão de tempo, não conseguirás cumprir os prazos. As competências de gestão do tempo ajudam-te a definir prioridades e a programar as tuas múltiplas atividades, criando horários de trabalho e listas de tarefas a realizar.
6

FAQs

Perguntas frequentes (FAQ’s) sobre trabalhar como backend developer.  

thank you for subscribing to your personalised job alerts.