Personalizou o seu currículo para a oportunidade específica para a qual se quer candidatar. Escreveu meticulosamente uma carta de apresentação que é tão boa que se contrataria a si mesmo se pudesse. Mas..assim como nem todos os currículos e cartas de apresentação são idênticos, as entrevistas de emprego também são únicas. As más notícias? Provavelmente não saberá que tipo de desafio o aguarda até que esteja no momento. É por isso que é importante planear, para que esteja preparado e faça os ajustes necessários sem interrupções, seja qual for o caminho. Aqui estão alguns tipos de entrevista para os quais deve estar preparado.

entrevista

Entrevista telefónica

A maioria dos consultores começa o processo de contratação com uma entrevista telefónica. O tempo não é um recurso renovável, a entrevista por telefone é uma oportunidade para eles restringirem ainda mais a sua pesquisa, para que apenas os candidatos mais fortes passem para a etapa da entrevista pessoal. A maioria dos departamentos de RH enviará um e-mail com um horário em que pode esperar ser contactado.

Mas alguns não. Isso significa que, mesmo que esteja no supermercado ou o seu filho esteja a fazer uma birra,  deve estar pronto para se vender a qualquer momento, logo após o 'olá'. Talvez esteja prestes a entrar numa reunião de marketing e sua equipa ainda não saiba que está em busca de um novo emprego. Uma entrevista por telefone bem-sucedida é muito mais fácil se sugerir um momento em que poderá organizar os seus pensamentos, pensar com clareza e falar abertamente. Lembre-se também de que não é o momento de perguntar sobre salários, benefícios, férias ou outros detalhes da sua oferta de emprego. Guarde isso para a sua entrevista pessoal.

Se for uma das centenas de oportunidades a que se candidatou, mantenha cópias dos seus currículos e respectivas cartas de apresentação à mão e bem marcadas, para poder escolher a correta. O recrutados provavelmente fará referência às mesmas e deve garantir que as suas respostas são consistentes e que suas perguntas são apropriadas.

Entrevista em vídeo ou por Skype

Cada vez mais, as organizações estão a recorrer à tecnologia para ajudar na contratação de candidatos .O Skype é nada mais que uma entrevista por telefone, reforçada. Isso é especialmente verdadeiro para oportunidades em que distância e localização são obstáculos ou onde está a ser entrevistado por alguém noutra cidade ou país. Provavelmente saberá quando esta entrevista será realizado, pois precisará de estar acessível.

Lembre-se, uma entrevista no Skype é uma entrevista visual e também com áudio. Escolha um local tranquilo no seu escritório ou em casa, com poucas distrações visuais. Deve querer parecer profissional, mesmo se estiver na mesa da sala de jantar. Vista-se e prepare-se como faria para qualquer entrevista profissional. Também recomendamos calças! É incrível a rapidez com que você pode esquecer-se que decidiu renunciar as calças profissionais e ao levantar-se para conseguir algo, o seu pijama divertido ficará à vista. É uma situação embaraçosa, evite-a. Vestir-se profissionalmente também o ajudará a ter a mentalidade certa, mesmo se estiver sentado no sofá.

Entrevista Presencial

Esta é a entrevista tradicional, na qual é chamado ao escritório do recrutador para uma reunião presencial. Normalmente, encontra-se com uma pessoa, mas não se surpreenda se houver mais pessoas na entrevista ou se for convidado para se reunir com outros líderes de equipa ou superiores. Fique calmo - lembre-se, está preparado - e tente conectar-se com cada um dos seus entrevistadores.

Entrevista de Grupo

A entrevista em grupo pode ser complicada, uma vez que não cabe apenas a si destacar-se, e o seu sucesso também depende de com quem está  e da química com os seus potenciais colegas de trabalho. As entrevistas em grupo exigem que trabalhe bem em equipa, que interaja com os outros entrevistados enquanto se destaca individualmente. O mais importante numa entrevista de grupo é destacar-se da maneira certa. Ser a pessoa que fala sempre primeiro e não deixa mais ninguém falar pode fazer com que se destaque, mas provavelmente falhará na parte do trabalho em equipa e colaboração, por exemplo. Encontre um equilíbrio entre contribuir com o grupo e mostrar os seus pontos fortes individuais.

Entrevista “vamos beber um café!”

Este tipo de entrevista é mais difícil de que uma entrevista de emprego típica, porque é aparentemente mais casual. Pode ser que seu entrevistador queira deixá-lo à vontade para que o possa conhecer melhor. No entanto, é necessário que tenha em mente que é uma entrevista profissional e refletir isso nas suas respostas. Mas também pode ser um pouco mais informal no seu comportamento.

Além disso: peça sempre um café ou algum tipo de bebida ao participar numa destas entrevistas! Muitas vezes, as pessoas concordam encontrar-se para um "café" e depois sentam-se estoicamente com as mãos entrelaçadas como se fosse uma entrevista formal. Isso pode fazer com que pareça tenso e anular o objetivo de uma entrevista informal. Portanto, mesmo que não goste de café, tome um chá ou chocolate quente ou algo para beber. Ter uma bebida pode realmente ajudá-lo a relaxar e a ter uma melhor entrevista!

Entrevista prática

Provavelmente, se chegou até esta etapa de entrevista, já passou por algumas outras entrevistas de emprego e este é o teste final antes de ser contratado. Alguns setores podem exigir que demonstre suas competências, faça um teste, responda a perguntas relacionadas a um estudo de caso, realize testes de QI ou de personalidade ou até que conclua uma tarefa real e relevante para o setor em que se candidata. 
Novamente, este é um caso em que a preparação será o que o levará ao sucesso. Assim sendo, não tenha medo de fazer perguntas e conhecer o seu papel se tiver uma tarefa a concluir. Mesmo que tenha as habilidades gerais necessárias para a função, cada trabalho e empresa operam de maneira um pouco diferente. Não há problema em fazer perguntas. Isso demonstra que está empenhado e curioso!

Atenção: neste tipo de  "entrevista de trabalho" defina quanto o trabalho "gratuito" que está disposto a fazer. Alguns empregadores inescrupulosos podem solicitar que complete uma semana ou mais de trabalho antes mesmo de começar a pensar em elaborar uma oferta de emprego. Isso não é normal, nem deve ser esperado. Se o seu potencial empregador pedir isso, veja-o como um mau presságio.