Oliveira do Hospital acolhe contact centre da Randstad

Oliveira do Hospital acolhe contact centre da RandstadA Câmara Municipal de Oliveira do Hospital e a Randstad Portugal assinaram esta terça-feira o protocolo de colaboração que assinala a instalação do contact centre da empresa de recursos humanos na cidade. Este centro presta atendimento em língua francesa e representa a criação de 200 postos de trabalho. Até ao final do ano, estima-se que empregue cerca de 50 pessoas.

O arranque formal deste projeto foi assinalado com a assinatura do protocolo de colaboração, que contou com a presença do Presidente da Câmara de Oliveira do Hospital, José Carlos Alexandrino, do Presidente da Assembleia Municipal, Rodrigues Gonçalves, e do CEO da Randstad Portugal, José Miguel Leonardo. 

A instalação do contact centre em Oliveira do Hospital constitui um estímulo para a diminuição da taxa de desemprego local, atrair população tecnicamente qualificada, criar postos de trabalho e revitalizar o tecido económico e social local. Este projeto conta com uma forte vertente formativa na língua francesa: a Randstad disponibiliza formação em francês aos candidatos com conhecimentos básicos no idioma que pretendam integrar o centro de atendimento, estando neste momento já 70 pessoas a receber esta formação.

Para José Carlos Alexandrino, Presidente da Câmara de Oliveira do Hospital, “a chegada deste projeto a Oliveira do Hospital é um sinal muito positivo para a dinamização da realidade laboral do concelho e para a valorização dos recursos humanos. Estamos confiantes de que este é um contributo para o retorno das pessoas a este município e para atrair novas pessoas que podem encontrar aqui a oportunidade de trabalho que ambicionam”.

Para José Miguel Leonardo, CEO da Randstad Portugal, “este é um projeto que aposta nas pessoas e na criação de emprego em zonas com um histórico de emigração, acreditamos que este pode ser um incentivo ao retorno”. O CEO da empresa de recursos humanos reforça que “além dos postos de trabalho criados, o projeto destaca-se pela qualificação dos recursos humanos, com a formação técnica e ao nível da língua francesa”. 

O projeto de atendimento em língua francesa para o grupo Altice conta já com os contact centers da Randstad em Castelo Branco, Lamego, Amarante, Guarda, Vieira do Minho, Viana do Castelo e Fafe (já confirmadas as cidades de Viseu, Penafiel e Macedo de Cavaleiros), contando com uma equipa que totaliza 1.200 pessoas, estando previsto chegar ao final do ano com um total de cerca de 1.400 colaboradores envolvidos no projeto. Os interessados em integrar este projeto podem candidatar-se através do site da Randstad (www.randstad.pt) e do e-mail candidaturas.fr@randstad.pt.